Med é pop

blog voltado para quem gosta de medicina e cultura...com temas do momento

medepopers

med é pop e esta também no:

30 de ago de 2012

Teleminas Saúde: programa alcança a marca de um milhão de atendimentos

Teleminas Saúde: programa alcança a marca de um milhão de atendimentos:
O Programa Teleminas Saúde, que proporciona a realização de consultas e exames a distância através de sistema digital, chegou a milhão de atendimentos. Implantada pelo Governo de Minas - como sucessor do antigo Projeto Minas Telecárdio -, a iniciativa conta com a participação da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). Dos 658 municípios atendidos pela iniciativa, 150 são da área de abrangência do polo da Unimontes no Norte e Noroeste de Minas e nos Vales do Mucuri e do Jequitinhonha.
O atendimento de número 1 milhão do Teleminas Saúde, realizado às 11h08 dessa segunda-feira (20/8), foi prestado a uma mulher de 27 anos, moradora do município de Ubaí, no Norte de Minas. O exame digital foi avaliado pelo médico Fábio Mota Fernandes, que integra o polo do Hospital Universitário da Universidade Federal de Uberlândia (UFU).




Ampliação

O antigo Minas Telecárdio foi criado em 2006 atendendo, inicialmente, 82 municípios, com a realização de exames da área de cardiologia (ecocardiograma). Com o êxito da experiência, em agosto de 2009, a Secretaria de Estado de Saúde ampliou o programa, que consiste na realização de teleconsultorias em vinte especialidades médicas, de Enfermagem, Nutrição e Odontologia, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Psicologia, entre outros, além dos serviços de telecardiologia, permitindo a segunda opinião de profissionais das respectivas áreas.
A média estadual é de 1,5 mil consultas virtuais e outros 30 mil eletrocardiogramas a cada mês. Os casos são atendidos diariamente pelos plantonistas, que trabalham nas cidades pólos nas diferentes regiões do Estado. Além da Unimontes e da UFU, o Teleminas Saúde envolve a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que coordena as ações, com a participação ainda das Universidades Federais do Triângulo Mineiro (UFTM), sediada em Uberaba; de Juiz de Fora (UFJF) e de São João Del Rei (UFSJ).
O polo da Unimontes funciona no Hospital Universitário Clemente de Faria (HUCF). A equipe do HUCF é responsável pela implantação dos sistemas nas cidades e pelo treinamento constante dos profissionais de saúde, além do suporte e manutenção técnica e incentivo aos municípios para o uso do programa.

Como funciona
Conforme explica o professor André Pires Antunes, coordenador do polo do Teleminas Saúde na Unimontes, as unidades da atenção básica recebem um kit, com um computador e sistema de transmissão de dados digital, contando também com máquina fotográfica e impressora. Há dois meses, foi instalado um "ponto digital" do programa no Hospital Municipal Alpheu de Quadros, em Montes Claros.
- O médico ou enfermeiro da unidade de atenção básica, através do sistema de transmissão de dados, envia o exame para um dos polos do programa. A partir daí, o especialista orienta como deve ser feita a conduta para o tratamento, relata André Pires Antunes.
André Pires Antunes salienta que o Programa Teleminas Saúde proporcionou a redução de 70% dos custos com os deslocamentos, elevando a qualidade da atenção básica e beneficiando diretamente os moradores dos pequenos municípios.

- Mas é difícil de mensurar todos os benefícios para a população. Muitas vidas já foram salvas graças à implantação do programa, destaca o coordenador, lembrando que a iniciativa também diminui a superlotação dos serviços de saúde dos grandes centros.


.......... Deixe seu comentário ..........

Postagens populares

conteúdo protegido!não copie !

Protected by Copyscape Online Copyright Checker